e se eu quiser...

... parar de existir? Sabe, simplesmente sumir, sem deixar rastros, pegadas ou qualquer trilha.
Se eu pudesse voltar ao nada, sem ter gasto um só fôlego ou emoção. Já faz tempo que eu me perdi e agora não vejo mais nada pra seguir, não vejo futuro, nem quero almejar mais nada. Tudo o que é material me estafa, poucas são as alegrias e por fim, eu não entendo o Seu intento.

Existe um querer, mas não é por mais nada daqui. E ninguém nunca vai me entender. Amadureci e de tanto, apodreci. Já não tenho nada bom, poucos talentos todos em vão. Gastos, preocupações, mas nada a acrescentar a quem tá por perto. Sabe quando diziam que "ajuda quem olha"? Bom, não ajuda não. As pessoas querem fazedores, e o que posso produzir é inútil.

porque as pessoas acreditam que sou forte, corajosa? talvez eu enfim acabasse, talvez eu acordasse. Eu sou tão fraca, tão ´triste, tão cansada de viver algo que não é pra mim. eu descobri a eternidade, e tb que eu nada sou.... me gasto nesse mundo cheio de incertezas, tento sorrir pra ver se a alegria se concentra, mas é tudo passageiro e todos continuam seus afazeres.

Queria uma leveza na alma que eu já não consigo carregar.... farta de sonhos destruídos , falta de ser quem eu devia ter sido, mas onde minha coragem nunca me levou. A cada dia eu definho... algo se estraga, apodrece dentro de mim... e Você me olha, pensando o que? foi pra perecer? foi pra aprender? crescer? evoluir? ah... não há uma grama sequer de sonhos em mim. Tudo é para todos, mas nenhuma ponte que escolhi me deixou mais perto de alegrar, a Você ou  qualquer alguém.

-  confissões de uma hipotireóide. 

2 comentários:

  1. vc eh tao trágica que da gosto! da nervo! quanto mais quer ir, mas deve ficar. porque o querer ir, tambem eh se apegar! e nessa vida mortal nem o imortal devemos almejar! eh minha prima querida estamos aqui para matar o proprio eu... ate se for para estar com Ele. filipenses 1. te amo pra sempre te amo demais, ate daqui a pouco ate nunca mais!

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu carinho e recado.